Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Centro de Anedotas

É um centro mas dos pequeninos...

Centro de Anedotas

É um centro mas dos pequeninos...

Um novo conceito.

Um homem vai ao quarto do filho para lhe dar boa noite. O rapaz está a ter um pesadelo.
O pai acorda-o e pergunta-lhe se ele está bem.
O filho responde que está com medo porque sonhou que a tia Susana havia morrido.
O pai garante que tia Susana está muito bem e manda-o de novo para a cama.
No dia seguinte a tia Susana morre.
Uma semana depois, o homem volta ao quarto do filho para lhe dar boa noite.
O rapaz está a ter outro pesadelo e desta vez diz que sonhou que o avô havia morrido.
No dia seguinte o avó morre.
Uma semana depois, o homem vai de novo ao quarto do filho para lhe dar boa noite.
O rapaz está novamente a ter um pesadelo.
Desta vez o filho responde que sonhou que o pai havia morrido…
O pai garante que está muito bem e manda-o de novo para a cama.
No dia seguinte ele está apavorado. Tem certeza de que vai morrer.
Sai para o trabalho e conduz com o maior cuidado para evitar uma colisão.
Não almoça com medo de veneno; evita as pessoas, com medo de ser assassinado, tem um sobressalto a cada rua… Ao voltar para casa, ele encontra a esposa e diz:
– Meu Deus… Tive o pior dia de minha vida !
E ela responde, toda chorosa:
– Achas que o teu dia foi pior?!?… E o meu chefe, que morreu hoje de manhã assim que chegou ao escritório!
Moral da história:

Há momentos em que ser corno é um alívio e não um problema.