Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Centro de Anedotas

É um centro mas dos pequeninos...

Centro de Anedotas

É um centro mas dos pequeninos...

A melhor amante.

Marido e mulher estão a jantar num belo restaurante quando entra uma rapariga absolutamente fantástica, que se dirige à mesa deles, dá um beijo apaixonado ao marido, diz:
- Vemo-nos mais tarde...
- E vai-se embora.
A mulher fita o marido furiosa e pergunta:
- Quem diabo era aquela?
- Oh - responde o marido, - é a minha amante.
- Ah é? Pois esta foi a última gota de água!- diz a mulher.- Para mim chega! Quero o divórcio!
- Compreendo - responde o marido, - mas lembra-te, se nos divorciarmos acabam-se as compras em Paris, os invernos na República Domincana, os verões em Itália, os Porsches e Ferraris na garagem e o Iate. Mas a decisão é tua.
Nesse momento entra um amigo comum no restaurante com uma loura estonteante pelo braço.
- Quem é aquela mulher que entrou com o teu sócio, o Bernardo? - pergunta ela.
- É a amante dele! - responde o marido.
- A nossa é muito mais bonita!!!! - responde a mulher..

Café da manhã!

Então Maria como vais? Tudo bem? Há quanto tempo! E como está o teu marido?
– Não soubeste? Morreu há quinze dias!
– Os meus pêsames! E como foi que ele morreu?
– Pedi-lhe para ir buscar ao minimercado um pacote de açúcar, veio um autocarro e atropelou-o!
– Uiii que tristeza! E então que é que tu fizeste?
– Tomei café sem açúcar!

Ai, se eu fosse marinheiro...

Era já de madrugada e o telefone toca. O marido atende e, após uns segundos, diz:
- Como quer que eu saiba? Se quer saber isso telefone para a Marinha!
Deitada ao seu lado, pergunta a mulher:
- Quem era amor?
Responde o marido:
- Sei lá! Era um tipo a perguntar se a costa estava livre…

Mania das esferográficas!

 

A mulher do carpinteiro foi ao ginecologista e queixou-se:
- Doutor, ando a ficar preocupada com umas pintinhas azuis que começaram a aparecer-me nas virilhas, desde há algum tempo.
- Ora deite-se aqui na marquesa e vamos lá ver isso.
- Então doutor, diz a paciente passado um bocado, é grave?
- Não, responde o médico, basta que diga ao seu marido para tirar a esferográfica da orelha...

 

Bons conselhos.

 

O sujeito desabafa no psiquiatra:
— Ai, Doutor... Eu tô ficando louco! Minha mulher é loira, tem 1.70 de altura, olhos verdes, seios fantásticos... Uma delícia!
— Até aí não vejo problema nenhum! — diagnostica o psiquiatra.
— Calma, Doutor... Deixa eu terminar... Ela tá me deixando maluco porque todas as noites vai no Bar do Pedro e dá o maior mole pra todos os homens! Vai pra cama com o primeiro homem que falar com ela! Eu não tô agüentando isso, Doutor! Pelo amor de Deus, o que eu faço?
— Relaxe! — aconselha ele — Respire fundo... E agora, diga pra mim, aonde exatamente fica esse Bar do Pedro?

Marido atencioso!

O marido liga para casa a meio da tarde:
– Olá, minha rainha! Como está o teu dia?
– Tudo ótimo….
– Que bom! E as crianças estão bem?
– A brincar sem parar, não te preocupes….
– Óptimo, perfeito! Elas já almoçaram? Alimentaram-se bem?
– Sim! Comeram muito bem! Já fizeram os trabalhos de casa e agora estão a brincar….
– Que bom! conta-me, minha linda, o que vai ser o jantar hoje?
– O teu prato preferido e já meti cerveja no frigorífico….
– Uau! Bife à milanesa e cerveja! É por isso que eu te adoro tanto! Bom… está tudo tranquilo em casa, então?
– Fica tranquilo que está tudo bem….
– Ah, mais uma coisinha: Tu prometes que, hoje à noite, vais usar aquelas rendas pretas para mim?
– Faço tudo para te agradar… E não vou esquecer o perfume de que tu mais gostas.
– Obrigado meu amor! É por isso te amo tanto….
– Eu sei, eu sei….
– Daqui a pouco estou aí contigo meu amor.
– Vou ficar ansiosa à espera….
– Agora faz-me um outro favor… Chama a patroa, se faz favor?

Pessoas desconhecidas!

O marido chega a casa tenso e revoltado e ao encontrar a esposa diz:
– Acabei de saber que tu andas a trair-me. Confessa… Com quem é que tu me andas a trair?
– Mas o que é isso, amorzinho? Que fúria é essa?
– Quero saber e é agora. Quero o nome deles. De todos eles. Um por um. Agora! Vai.
– Oh, amor! Para que é que queres saber isso? Há gente que tu nem conheces…