É um centro mas dos pequeninos...

19
Out 12

No jantar de despedida, depois de 25 anos de trabalho à frente da paróquia, o padre discursa:

 

- A primeira impressão que tive desta paróquia foi com a primeira confissão que ouvi. A pessoa confessou ter roubado um aparelho de TV, dinheiro dos seus pais, a empresa onde trabalhava, além de ter aventuras amorosas com as esposas dos amigos. Também se dedicava ao tráfico de drogas e havia transmitido uma doença venérea à própria irmã. Fiquei assustadíssimo. Com o passar do tempo, entretanto, conheci uma paróquia cheia de gente responsável, com valores, comprometida com sua fé.

Atrasado, chegou então o Presidente da Câmara para prestar uma homenagem ao Padre. Pediu desculpas pelo atraso e começou o discurso:

- Nunca vou esquecer o dia em que o Padre chegou à nossa paróquia. Como poderia? Tive a honra de ser o primeiro a me confessar.

Seguiu-se um silêncio assustador…


Moral da história: Nunca te atrases e se o fizeres, fica de boca fechada.

publicado por jpferra às 18:01

31
Mai 12

“Sou totalmente a favor do casamento gay entre os políticos.

 

Tudo que possa contribuir para que eles não se reproduzam é bom para o país…”

 

publicado por jpferra às 15:22

06
Jun 08

 

Um Padre estava a ser homenageado num jantar, devido aos seus 25 anos de trabalho ininterrupto, à frente duma paróquia.  
 
 Um político da região e paroquiano, foi escolhido para lhe entregar um presente em nome de todos e para proferir umas palavras. Mas atrasou-se...
 
 Então, o próprio homenageado, decidiu proferir umas palavras:  
 
 - A primeira impressão que tive da paróquia, foi como a primeira confissão que ouvi.  Pensei que o Bispo me tinha enviado para um lugar horrível, pois a primeira pessoa que  se confessou, disse-me que tinha roubado uma televisão, que tinha tirado dinheiro aos pais, que também tinha roubado a empresa onde trabalhava, para além de ter aventuras amorosas com as mulheres dos chefes. Noutras alturas também se dedicava ao tráfico e venda de droga, para concluir, ainda me confessou que tinha transmitido uma doença à própria irmã.  
 
 Fiquei assustadíssimo... Mas com o passar do tempo, entretanto, fui conhecendo mais gente que em nada se parecia com aquele homem. Inclusivamente, vivi a realidade de uma paróquia cheia de gente responsável, com valores, comprometida com a sua fé e, assim, tenho vivido, os 25 anos mais maravilhosos do meu sacerdócio.
 
 Neste momento, chegou o político e foi-lhe dada a palavra para entregar o presente dos paroquianos, prestando assim homenagem ao Padre. Depois de pedir desculpa pelo atraso, começou a falar, dizendo:
 
- Nunca vou esquecer o dia em que o Padre chegou à nossa paróquia, pois tive a honra de ter sido eu o primeiro a quem ele confessou...
publicado por jpferra às 16:18

05
Jun 08

Cinco cirurgiões discutiam sobre quais os melhores pacientes numa sala de operações.
 
Dizia o primeiro:
- Gosto de operar contabilistas porque, quando os abres, todos os órgãos estão numerados e ordenados.
O segundo retorquiu:
- Sim, mas melhor são os electricistas porque todos os órgãos estão codificados por cores. Não há qualquer risco de engano.
Ao que respondeu o terceiro:
- Qual quê!!! Os melhores são os bibliotecários. Dentro deles tudo está ordenado alfabeticamente.
O quarto cirurgião opinou:
- Não há como os mecânicos. Eles até já transportam uma reserva dos órgãos que são necessários substituir.
Finalmente, disse o quinto:
- Deixem-me discordar de todos vocês, meus caros companheiros mas, em minha opinião, os melhores pacientes para operar são os políticos.
-Não têm coração, não têm estômago nem tomates. Além disso pode-se-lhes trocar o cérebro com o cú que ninguém dá conta de nada...

publicado por jpferra às 11:01

Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

3 seguidores

pesquisar neste blog
 
publipt
blogs SAPO