É um centro mas dos pequeninos...

18
Dez 15

É enviado um neurónio ao cérebro de um homem.
Ele chega, entra e não encontra nada.
Há aqui alguém? – pergunta baixinho.
– HÁ ALGUÉM AQUI? OOOOLÁAAA!!
– NÃO HÁ NINGUÉM!!! snif, snif…
O pobre neurónio encontrava-se sozinho ali.
Começou a ficar muito triste e seguiu lamuriando-se:
– Eu aqui tão sozinho… é tão triste… snif… snif… para o resto da vida… snif!
De repente, ouve um ruído de alguém que se aproximava… era outro neurónio, que ao vê-lo pergunta:
– Que fazes aqui sozinho pá? Porque choras?
– Porque pensava, snif… que não havia ninguém aqui e que ia ficar para sempre sem companhia… snif…
– Tás parvo, ou quê? Somos imensos!
Estamos é todos lá em baixo, no entre pernas, onde há uma ganda festa… eu só subi para vir buscar gelo!!!

publicado por jpferra às 18:19

Dezembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
publipt
blogs SAPO